Acabou. Os Bafana Bafana encerraram hoje a participação na sua própria Copa. Mas quem diz que foi um dia triste lá pela terra das cornetas? Logo depois dos momentos de decepção, o cantante e "vuvuzeleiro" torcedor africano já fazia festa por ter derrotado uma campeã mundial. É a alegria do povo africano mostrando que sabe sorrir e cantar mesmo quando não há muito o que comemorar. Uma lição. Sim, a anfitriã está fora da Copa, mas quem caiu mesmo, e foi além do chão, foi a seleção francesa. Derrotada, em frangalhos, rodeada de crises, brigas, suspensões, e até motins, a França se despede da Copa humilhada e em estado de anarquia. Para completar o vexame, seu técnico faz um papelão ao virar as costas para o Parreira, comandante dos Bafanas, quando cumprimentado. Um último papelão, só para completar o desastre. Quantos franceses não gostariam que aquele gol de mão nunca tivesse acontecido... E ainda bem que eu gosto da Irlanda! Longe do Brasil uma torcida irlandesa torcendo contra! Mão de Deus? Não, a francesa não foi. Tem é cerveja irlandesa na cabeça dos francesas. Na cabeça, nas chuteiras...

Então Uruguai e México agradecem! Agradecem à França e aos donos da casa, pelas vagas inesperadas! Melhor ainda para o Uguruai, que enfrenta a Coréia do Sul, que surpreendeu a Nigéria, garantindo sua vaga e tirando mais uma seleção africana da Copa. Depois de 20 anos longe da segunda fase, a celeste tem a chance de chegar nas quartas. Mereciam, nossos simpáticos vizinhos! Vai mesmo bem a América Latina, ontem o Chile fez tudo certinho e venceu a Suiça, mas mesmo com duas vitórias nosso vizinho dos andes corre o risco de ficar fora, porque encara a fúria. E a fúria vem para mostrar serviço, vem para provar que não é pipoqueira, e que é não só capaz de vencer Honduras. A sorte está mesmo com a Suiça, que se fizer um golzinho a mais na fraca Honduras, carimba o passaporte.Tanta sorte não teve o México, que classificou, mas pega a Argentina logo ali na esquina, e não deve ser uma combinação muito saudável essa, do tango com a tequila. Pelo menos para os mexicanos! Arriba!

Que Espanha que nada! A sensação dos últimos jogos foi portuguesa com certeza! Além de guardar sete gols na Coréia do Norte, Portugal ainda teve direito a obra de arte de Cristiano Ronaldo. A pintura do gol, conduzindo a bola de cabeça, valeu pelos outros seis gols da partida, e deixa uma certa preocupação extra para o próximo jogo, contra nossa meninada canarinho. Ou não? O esperado duelo entre Kaká e C.Ronaldo não vai acontecer, mas quem deve estar esperando pelo craque português é Lúcio e sua tropa. Vai encarar?

Outro que não deixa a peteca cair, e fecha a primeira fase 100% é nossa provável futura rival no caminho da taça, a seleção do Don, Don Diego Maradona. Dieguito e seus meninos passaram pela Grécia com um time quase todo reserva antecipando que tem banco, além de Messi. Argentina e Brasil, assim como a Holanda, são as seleções que ainda não tropeçaram, e que devem complicar a vida de quem estiver pelo seu caminho, sem esquecer da azzurra, da Alemanha, e do time surpresa, que deve pintar nas finais dessa Copa. Ou alguém acha que no país das zebras essa taça vai sair fácil demais para os grandes?

Imagens: Portal terra